logo

logo

O Engenheiro que virou livreiro

No ano de 1937, chega ao Brasil o casal Paul e Juliette Monteil, acompanhados do filho Georges. Após o término da 2ª Guerra Mundial, ele começa a idealizar seu sonho de tornar-se livreiro e editor.
Então, a família parte para a França em fevereiro de 1947 para que Paul faça os primeiros contatos com os editores. Em julho deste mesmo ano, retornam ao Brasil com a primeira caixa de livros contendo "Le Petit Prince" e a revista "Paris Match", cujas vendas eram feitas porta-a-porta.
A Livraria Francesa é inaugurada em 25 de julho de 1947, e carrega Narciso, um personagem da mitologia grega em sua logo. Após alguns meses, se instalou no nº 275 da Barão de Itapetininga, local que até hoje funciona.
Hoje, a Livraria Francesa ainda é dirigida pela família e está presente em São Paulo, Santo André, Rio de Janeiro e Brasília. Importa e fornece material didático e livros das diversas áreas para todo o território brasileiro. São mais de 110 mil títulos a disposição de seus clientes.

Horário de Funcionamento

De segunda a sexta, das 8h às 20h
Sábados das 8h às 14h

livraria francesa

acesse o site